ENUR 2017: Ressurreição e resgate de identidade conduzem evento

Mas bah, tchê! O Encontro Nacional Universidades Renovadas já é daqui a 100 dias! Pelo sotaque dá para ter certeza de onde será. A cidade de Santa Maria, no Rio Grande do Sul, abre os braços para acolher os Luquinhas de todos os cantos do Brasil. De 2 a 5 de novembro, a Universidade Federal de Santa Maria será lugar de ressurreição, reavivamento da missão e identidade, além de celebração do Jubileu de Ouro da Renovação Carismática Católica, que vem com alegria em dobro.

Santa Maria, lugar de ressurreição e resgate de identidade

A escolha do local foi inspirada aos corações dos membros do Ministério Universidades Renovadas após muitos momentos de oração e discernimento. Em 2013, um incêndio na Boate Kiss provocou a morte de 242 pessoas e deixou 680 feridos. A maioria das vítimas eram jovens universitários que moravam na cidade gaúcha. A tragédia comoveu principalmente estudantes ao redor do país, que se identificaram com realidades tão próximas. A coordenadora nacional do MUR, Milena Assunção, conta que, a princípio, o que não era considerado surgiu gradativamente pela confirmação do Senhor. Era preciso “dar uma resposta às famílias” depois do triste episódio.

Em novembro do ano passado, na reunião nacional do MUR, foi durante uma oração pelo ENUR que os primeiros direcionamentos para o evento foram levados. A base era a Palavra em I Cor 15,1-11, que revela a força e o poder da ressurreição de Jesus, e Jo 20,19-22, passagem na qual Jesus sopra o Espírito Santo sobre os discípulos depois de ressuscitado. “Por meio da profecia em línguas o Senhor nos dizia: ‘Consolem o povo meu, consolem o povo sofrido, sejam braços da minha misericórdia. Eu encho agora os corações com a minha misericórdia. Sejam braços da minha misericórdia’”, partilha a dirigente.

Mas Deus quis ir além, alcançando as dificuldades do mundo acadêmico. “Neste momento, [houve um] sentimento de tristeza. Sentimento de morte e escuridão. Prédios altos, com vidros escuros. Alguns limpavam os vidros e, ao reentrar a luz, o edifício ficava brilhoso. O Senhor nos manda ir a essa realidade. Assim como Maria expôs Jesus para nós, é necessário que nós mostremos Jesus para o mundo”, prossegue Milena. Diante disso, ela destaca que o Senhor dizia fortemente “o Espírito Santo vivifica”. Não houve dúvidas, era preciso anunciar e experimentar a ressureição.

A coordenadora ainda cita Atos 7,30-34 e Joel 4,11, Palavras dadas por Deus que manifestam o desejo do Pai de reinflamar Seus jovens discípulos na missão, a fim de resgatar a identidade do Ministério. “Ele quer nos unir para o derramamento do Seu Espírito Santo neste Ano Jubilar”, afirma. E por falar nisso, a comemoração dos 50 anos de história da RCC no mundo é a cereja do bolo. O início do Movimento é marcado pela experiência do batismo no Espírito Santo de estudantes da Universidade de Duquesne, em 1967.

Programação festiva e com novidade

altDe acordo com Milena, a expectativa é de aproximadamente 1.500 participantes. Aos Luquinhas que marcarão presença, aí vai uma pincelada na programação! A abertura do ENUR 2017 será no Santuário Basílica de Nossa Senhora Medianeira de Todas as Graças. O momento foi um pedido do arcebispo de Santa Maria, dom Hélio Adelar Rubert. A Santa Missa acontecerá em 2 de novembro, dia de Finados. Sendo assim, terá a presença das famílias das vítimas da tragédia na Boate Kiss, como parte das intenções da celebração.

Dentre os pregadores, estarão presentes a presidente do Conselho Nacional da RCC, Katia Roldi Zavaris, e o coordenador estadual do Rio Grande do Sul, Paulo Mecabô. O encontro, ainda, contará com a V Mostra Científica, workshops e mesas temáticas. A intenção é iluminar a ciência brasileira com os valores cristãos. E os pequeninos não ficam de fora! As mamães e os papais de plantão já podem dar o ENURzinho como certo! No entanto, a novidade é o I Simpósio de Inovações Pastorais. “Este evento será dedicado à discussão, divulgação e análise das ações pastorais no Brasil que tem reflexos no âmbito acadêmico”, explica a coordenadora do MUR.

 

“Saiamos, saiamos para oferecer a todos a vida de Jesus Cristo!” 

altO convite do papa Francisco (Evangelii Gaudium, 49) junto à promessa de Deus em Js 1,3 dão o norte ao Pré-ENUR 2017. De 29 de outubro a 2 de novembro, os Luquinhas exercerão a missionariedade e promoverão a Cultura do Encontro em duas bases de missão: Porto Alegre e Pelotas. “O desafio é levar centenas de missionários, que são universitários carismáticos, para dentro das universidades do Rio Grande do Sul, ambientes de grande secularização, abandono da fé e, muitas vezes, de hostilidade ao cristianismo, para testemunharem o amor de Deus, indo de encontro aos nossos queridos irmãos estudantes, professores e servidores universitários”, relata Milena. 

O evento, que é o marco zero dessa grande comemoração, também é composto por formações online e presenciais. A inscrição é feita separadamente a do ENUR e a participação é livre a todos que estão de coração aberto para partilhar as maravilhas do encontro com o Senhor.

 

Bora para o #ENURtche

alt

Para a(o) Luquinha que deseja ter essa vivência, a coordenadora nacional do MUR, Milena Assunção, tem um recado: “Você que deseja ter uma profunda experiência com Deus, conhecer pré-universitários, universitários, profissionais, servidores e trabalhadores do Brasil e mundo, buscar a alegria que contagia, envolver-se com as questões que unem Fé e Razão, abraçar e reencontrar os amigos, e celebrar os 50 anos da RCC no mundo, venha participar conosco do Encontro Nacional Universidades Renovadas 2017, na cidade de Santa Maria (RS). Desafiamos você a conhecer o Ministério Universidades Renovadas por meio do ENUR, assim como chamado e missão no âmbito acadêmico”.

E aí? Partiu? Logo menos as inscrições para o Pré-ENUR e ENUR estarão abertas. Para ficar por dentro de tudo com mais detalhes, além de não perder as datas, fique ligada(o) no siteno canal no Youtube e no Instagram do MUR.

Posts Relacionados

Deixe seu Comentário