MUR SP reúne lideranças dos Grupos de Profissionais

Vocês são a concretização da civilização [do Amor] que tanto pregam!” Estas foram as palavras proclamadas em profecia durante um dos muitos momentos intensos da Reunião Estadual de Profissionais 2019, realizada na diocese de São Carlos, nos dias 30 de novembro e 1° de dezembro, pelo Ministério Universidades Renovadas de São Paulo (MUR-SP), com o lema: “Eis aqui a serva do Senhor (Lc 1,38)”.

O objetivo da reunião, conforme o MUR-SP, foi a reflexão sobre a resposta que o profissional católico carismático precisa dar diante dos clamores desde tempo, bem como a atuação dos Grupos de Partilha de Profissionais (GPP’s) – como instrumento de evangelização da Renovação Carismática Católica (RCC).

O que a Igreja espera dos seus filhos que possuem um ofício, os profissionais do Reino?”; “Como os GPPs podem contribuir com a formação e avanço da ação evangelizadora dentro da RCC?”; “Quais caminhos práticos podem ser trilhados na concreta evangelização do âmbito universitário?” foram algumas das questões partilhadas.

Estiveram presentes na reunião cerca de 70 pessoas de mais de 20 dioceses paulistas, entre coordenadores diocesanos do MUR, membros dos Grupos de Partilha de Profissionais (GPP) e Grupos de Profissionais do Reino (GPR), que foram profundamente instigados sobre a necessidade de trabalhar os talentos confiados pelo Senhor e fazê-los lucrar, em vez de enterrá-los (cf. Mt 25, 14-30), seguindo sempre o exemplo da Mãe do Salvador.

Dentre os pregadores da reunião, Tatiana Cunha, conselheira do MUR-SP, trouxe a realidade de Salvação que Deus tem para Seus filhos através da profissão que eles exercem; Já o coordenador estadual do MUR-SP, Thiago Anjos, falou sobre a necessidade do profissional do Reino ser, em seu posto, um líder humilde, mas também magnânimo; Gustavo Lahr, responsável pela Comissão de Profissionais do MUR-SP, reforçou sobre a identidade, essência e estrutura dos GPPs; A coordenadora dos Profissionais do Reino, Roberta Martins, partilhou sobre a missão dos GPRs e a unidade com o MUR pela salvação das almas; e a coordenadora do MUR da Diocese de Lorena, que também é membro da Sociedade Brasileira de Cientistas Católicos, Camila Grillo, resgatou o Sonho de Amor, que move e sempre moveu as ações do ministério.

Marcelo Marangon, presidente do Conselho Estadual da RCC de São Paulo; Milena Alves, coordenadora nacional do Ministério Universidades Renovadas e Everthon Oliveira, coordenador nacional da comissão de profissionais do MUR-BR enviaram mensagens de encorajamento e incentivo aos trabalhos.

A reunião contou também com momentos de partilhas direcionadas, elaboração de planos concretos de ação dos GPP’s e GPR’s, além de momentos profundos de oração. Um deles foi a Adoração Eucarística, da qual brotaram inúmeras moções, profecias e promessas, demonstrando o Amor de Deus pelos profissionais e a pressa que Ele tem para que O busquem e cumpram a missão confiada a eles. Tudo isso foi coroado pela celebração da Santa Missa, dando início ao tempo do Advento, momento propício de reflexão. O Pe Maique William Massufaro (de Araraquara-SP/Diocese de Osasco), em sua homilia na celebração eucarística, provocou os presentes ao lembrar que da atualidade em que, as circunstâncias escravizam as pessoas, deixando-as despreparadas para o retorno do Senhor.

O Ministério Universidades Renovadas do Estado de São Paulo relata que vivenciou um marco em sua história nesta reunião, dando início a um novo tempo, um tempo de avanço, nos trabalhos com os profissionais. “É tempo de avançar, frutificar, expandir a atuação dos GPPs em todo estado de SP, assumir os seus postos com uma visão humilde e magnânima. Avante MUR !”, afirma Thiago Anjos.

“Para mim foi um divisor de águas esta reunião. Encarei-a como um retiro, um encontro, pois verdadeiramente Deus falou comigo. Estou vivendo um tempo específico em minha vida profissional, em que tenho feito muitas perguntas a Deus. Nesta reunião, minha ansiedade foi acalmada. Pude ouvir a voz do Senhor indicando-me o caminho a seguir”, testemunhou o engenheiro Felipe Torres, da Arquidiocese de São Paulo e que, atualmente, atua no setor financeiro.

Posts relacionados

Leave a Comment