“O caminho de volta é uma descida”, afirmou Lucimar

“Volta ao primeiro amor” é o tema da primeira pregação do Congresso Estadual de Música e Artes nesta manhã de sábado (03/09). A pregação foi ministrada pela presidente do Conselho Estadual da RCC São Paulo, Lucimar Maziero. O encontro acontece no Ginásio do Furno, em Mogi-Guaçu (SP) desde sexta-feira (2/09). Para a presidente do Conselho, “o caminho de volta (ao primeiro amor) é um caminho de descida”.

“Descida. Onde devo descer da minha auto-suficiência, da minha faculdade e diplomas, porque o Senhor nos olha em nossa essência do que somos; somos o amor de Deus e só experimentamos este amor divino quando experienciamos o batismo no Espírito Santo”, afirmou. Para ilustrar a pregação, com a passagem do Evangelho de Marcos (1, 14-16), ela destacou que “o Senhor nos olhou diretamente em nosso olhar e, Ele penetra sua vida e sua história. O Senhor te aprecia e te ama (Isaías 43, 4b). Ele não o vê como fracassado. O que você precisa no seu ministério é a expressão do amor”.

12
“Antes de tudo você precisa ser um grande amigo de Deus” (Lucimar Maziero)

Ainda sobre a passagem bíblica, nos versículos seguintes, Lucimar frisa que Simão e André deixaram tudo para seguir o Senhor. “Ou seja, o caminho de descida exige de mim renunciar a minha própria vontade, para fazer a vontade de Deus” – reforça a pregadora –,  “exige que eu saia do meu ativismo e da correria para estar de joelhos para escutar o que Ele quer de mim e do meu ministério”.

Os passos para a descida

Segundo Lucimar, são necessários três passos para fazer o “caminho de descida”. São eles, “a  obediência, a pobreza e a imolação de si mesmo” (conforme aquilo que ensina o Catecismo da Igreja Católica), explica a presidente.

“A obediência é a chave que abre a porta do Céu afirma Santa Catarina de Sena” falou. Ela conta que viver “a pobreza é olhar tudo como dom de Deus para trabalhar, para me completar. Inclusive, o meu irmão é dom de Deus para mim pois ele me completa”. Já a “imolação de si mesmo implica a renuncia das minhas vontades para fazer a vontade de Deus; imolar as minhas aparências para que Cristo apareça”, conclui.

 

A próxima pregação será ministrada pelo Pe. Reginaldo Carreira.

Posts relacionados

Leave a Comment