RCC Santos realiza eleições dos assessores de cidade e coordenadores de grupo de oração para o próximo biênio 2017-18

RCC Santos realiza eleições dos assessores de cidade e coordenadores de grupo de oração para o próximo biênio
2017-18
Por Thiago Anjos

Entre os meses de Agosto e Dezembro de 2016 a RCC Santos realizou as eleições dos assessores de cidade e
coordenadores de grupo de oração para o biênio 2017-18. As eleições ocorreram em diversas paróquias e comunidades
espalhadas nas nove cidades da diocese, com a participação de aproximadamente 170 grupos de oração ao todo. As
eleições obedeceram aos critérios estabelecidos no Regimento da RCC Santos, como por exemplo, que o mandato de
assessoria/coordenação possui duração de 2 (dois) anos, com possibilidade de reeleição por igual período.
Os assessores de cidade são eleitos pelos coordenadores de grupo de oração de cada cidade. Apesar de não
possuírem poder de coordenação, os assessores possuem um papel fundamental no pastoreio dos grupos da região,
conhecendo a fundo as realidades, fazendo a articulação da RCC na cidade, promovendo a unidade entre os grupos e a
diocese. Já os coordenadores de grupo de oração são eleitos pelos servos do núcleo de serviço e tem a missão principal
de coordenar todas as atividades de evangelização a partir do grupo de oração, célula básica do movimento, além do
pastoreio e acompanhamento dos membros.
Neste ano foi aplicada uma nova metodologia na realização das eleições dos coordenadores de grupo de oração.
Ao invés de promover a eleição grupo por grupo, cada qual em sua comunidade, foram realizadas assembleias eletivas
coletivas por região/cidade, conduzidas por membros do núcleo diocesano da RCC, presente em todas elas. Todas as
assembleias foram iniciadas com momentos de profunda oração e escuta profética, além da partilha da palavra de Deus
e leitura e esclarecimentos sobre o regimento interno. Após o momento inicial coletivo, os servos reuniam-se com seus
respectivos núcleos de serviço para proceder com a escolha do novo (a) coordenador (a) por grupo de oração, num
processo simultâneo coordenado pelo núcleo diocesano da RCC. Imediatamente após a eleição, cada novo (a)
coordenador (a) eleito (a) nomeou o secretário (a) geral e tesoureiro (a), constituindo assim o novo núcleo diretivo do
grupo de oração na própria assembleia.
Segundo o secretário geral da RCC Santos para o biênio 2017-18, Thiago Anjos, autor do novo formato, esta nova
metodologia “gera e fortalece os vínculos de unidade entre os grupos de oração e o próprio movimento; garante o
alinhamento dos direcionamentos para todos os servos e grupos de oração; além de propiciar melhor gestão e
organização do processo eleitoral e controles administrativos da RCC Santos”.
Em algumas assembleias registrou-se a presença dos padres das respectivas paróquias. Uma das exortações mais
marcantes foi realizada pelo Pe José, da paróquia São João Batista, de Bertioga. Ao final da eleição dos coordenadores
daquela cidade, ele exortou os novos coordenadores que “eles não estavam recebendo uma “coroa”, mas sim uma jarra,
uma bacia e uma toalha, para que pudessem ser os primeiros a servir, a exemplo de Jesus”.
A lista atualizada com os novos assessores e coordenadores de grupo de oração estará disponível no site da RCC
Santos – www.rccsantos.com.

Posts relacionados

Leave a Comment