E nossos corações queimavam

Enquanto Francisco nos falava, no Circo Máximo, naquele solo encharcado pelo sangue de tantos mártires, nossos corações esquentavam, como os dos discípulos de Emaús. Naquele lugar repleto de cristãos do mundo todo, vendo o cumprimento da promessa que o “sangue dos mártires derramado é sementeira de cristãos”. Ali, a voz do Papa ecoa nos corações de cada carismático(a), em cada Grupo de Oração, em cada uma das Novas Comunidades de Vida com o novo chamado de sempre. Se descortinava diante de nós um novo tempo para a Renovação Carismática Católica.…

Leia mais